29 de abr de 2011

O Gênesis















Calejadas com tudo que fizeram,
Descansou as mãos no sétimo momento.
E prevendo a necessidade de usá-las no futuro,
Não às tratou.
Pois sabia que das feridas causadas pelos espinhos que pôs no mundo,
Sairiam milagres.
E um deles,
Abraçou com sangue tudo aquilo que pôde alcançar...

                                        (Halifas Quaresma)

5 comentários:

  1. Divinamente lindo!

    nunca tinha lido nada igual...como disse no orkut, me deixou sem palavras!

    ResponderExcluir
  2. Halifas, postei no Pratododia, tá!
    com os devidos créditos do teu blog, é claro!

    Um beijooo!

    ResponderExcluir
  3. Duas pesoas especiais vocês....

    Obrigado...mil vezes.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Halifas obrigada pela visita.
    Realmente seu texto tem uma profundidade espiritual enorme. A sutileza poética me encantou,e o fizeste uma analogia direta, simples e perfeita sobre o intento de Deus em nossas vidas. Criação-queda-resgate...
    Parabéns!

    ResponderExcluir